Óia, quase 1 ano certinho entre um post e outro. E só para registro, já que tem uma música do Maroon 5, vamos com outra



Escrito por gi às 11:48 PM
[] [envie esta mensagem] []



Que emoção descobrir que ainda sei a senha desta bagaça! Relendo os últimos posts imaginei, por breves momentos, que eu era mais feliz ali embaixo. Óh, Senhor, será que a vida vai ser sempre essa coisa complexa, complicada, esquisita etc. com o passar do tempo? Porque, tê contá, as variáveis só aumentam.



Escrito por gi às 11:46 PM
[] [envie esta mensagem] []



Moves Like Jagger, Maroon 5.



Escrito por gi às 1:13 AM
[] [envie esta mensagem] []



Já fui mais estável. Oito meses, oficialmente, no trabalho novo. Tempo suficiente para começar a entender de tudo um pouco e perceber que os desafios e a insegurança não mais existem. Resultado, hoje pensei que poderia arrumar outro emprego. Sempre acreditei que amadurecer era definir rumo, ficar quieta, guardar dinheirinho na poupança, casinha de sapê tal e tal. E eu descubro que amadurecer é um processo. Bom mesmo é viver e continuar a procurar o rumo, a quietude, a casinha. Thuchurutchu.



Escrito por gi às 1:02 AM
[] [envie esta mensagem] []



Então esqueci mesmo deste blog. Mas o Google Reader continua funcionando e eu lendo tudo, religiosamente, neste mesmo bat horário. Hoje me surpreendi com a notícia de que uma pessoa muito querida está de mudança, mala e cuia, casa e cidade. Aí lembrei que este blog existe, desde 2004, e os feeds são os mesmos desde esta época. Na verdade, desde a época que inventaram os feeds. Tô velha. Resolvi escrever o que preciso fazer amanhã, para registro, pois resume perfeitamente o que é a minha vida hoje: 1 - Ligar para marcar o horário da reunião de pais no Red Balloon; 2 -  Terminar o TR da Cláudia; 3 - Terminar o 3o. produto do CGEE; 4 - Marcar exame de RX do Rapha; 5 - Comprar envelope para enviar a revista da Táta; 6 - Tirar xérox e autenticar docs para meu pai; 7 - Entregar requisição do exame do Thiago no Sabin; 8 - Devolver as bugingangas emprestadas pela Bel e Cíntia para o dia das mães na escola. Cada uma destas coisas daria um post enorme, cheio de detalhes, cheio de meias histórias, e cheio de fotos. Mas era só um resumo mesmo.



Escrito por gi às 10:11 PM
[] [envie esta mensagem] []



Vamos para BQ City neste carnaval. O processo de viajar com os meninos tem sido mais eficiente a medida que o tempo passa. Desta vez, por exemplo, conseguimos a proeza de fazer apenas e unicamente, duas malas. Para quatro pessoas. Sobre quantas bagagens de mão iremos viajar, melhor ficar pra depois porque neste exato momento uma mochila apareceu para "levar o laptop do Ben 10, mãããe."



Escrito por gi às 11:50 PM
[] [envie esta mensagem] []



Ter tomado uma das decisões mais importantes nesta minha vida foi algo fenomenal na leitura do meu dia-a-dia desde segunda-feira, the official last day on the job. Imaginar que sonhei a vida inteira em trabalhar naquele lugar e ver os meus sonhos e idealizações irem por água abaixo foi algo doloroso. Mas perceber que mudar o mundo é algo muito gigantesco, utópico e sem noção da minha parte foi o que de crescimento pessoal restou. Fico feliz por esta percepção. Feliz sou mais eu agora, quando percebo que levar a minha secretária para passear na praia no final do ano é a melhor coisa que posso fazer. Poder ajudar a realizar o sonho da vida de alguém é muito mais importante e efetivo do que queimar fosfato com elocubrações que não (nunca) se concretizam.



Escrito por gi às 11:44 PM
[] [envie esta mensagem] []



Adele. 24/7.



Escrito por gi às 10:59 PM
[] [envie esta mensagem] []



Para registro e para a prosperidade: posso voltar a falar mal do trabalho no Twitter. Pedi demissão!

Mas agora caiu a ficha: falar mal do quê? Yeah! \o/



Escrito por gi às 10:40 PM
[] [envie esta mensagem] []



Orkuticidei-me, contei?



Escrito por gi às 1:36 AM
[] [envie esta mensagem] []



Meu atual sonho de consumo é voltar a falar mal do trabalho no Twitter.



Escrito por gi às 1:33 AM
[] [envie esta mensagem] []



Logo que chegamos dos EUA passei a procurar, desesperadamente, alguém que entregasse cesta de produtos orgânicos em casa. Tinha visto a proposta primeiramente no blog da Fer, e achava a idéia simples e genial receber, toda semana, uma cesta com produtos aleatórios de orgânicos. Entre outras coisas, além da qualidade, obrigaria a todos a diversificar a batata e o tomate da casa. Mês passado, quase 2 anos depois, eis que numa reunião de trabalho uma colega recebeu um telefonema - que ela fez questão de atender - e eu a ouvi dizendo "menos pepino mais berinjela", "tira a salsa", "sumiu o repolho?". Na mesma hora peguei o telefone do indivíduo, liguei e desde então passamos a conviver com espinafres, rúculas e tomates cerejas tão bonitos e saborosos que a família-aderentes resolve passar aqui em casa para ver o que tem de novo. Recomendo de verdade se você tiver algo parecido na sua cidade.



Escrito por gi às 1:32 AM
[] [envie esta mensagem] []



[ ver mensagens anteriores ]


velhidades
blogs sem perhaps
Aqui em casa toca
Belos e Malvados
Caminhante Diurno
Chucrute com Salsicha
cotidianidades, malvadezas, consternações
Estado de Coisas
Life, Now Playing
Noite Passada
_PseudoBlog_
Sorvete de Casquinho